Reader Comments

Como Usar O Filezilla Como Software FTP Da Minha Hospedagem?

"Joana" (2018-02-21)

 |  Post Reply

Nossa reportagem testou e comprovou: é possível dar uma de gesseiro de fim de semana e fazer a instalação de todo o rodateto sem a necessidade curso servidores paulo teixeira de mão de obra especializada. Claro que há segredinhos de execução que respondem pelo serviço impecável - mas nós desvendamos todos eles por você!

  • Conforme imagem acima, clique no botão "Start setup" pros procedimentos iniciais

  • Como Preparar um arquivo CSV para migrar email de um servidor IMAP

  • Livro traz guia como elaborar TCC e usá-lo em favor da carreira

  • Mantenha o Link do post curto e objetivo, tente adicionar a palavra chave ao link


Antes de dizer mais sobre eles, vamos deixar as coisas mais claras falando sobre domínio e hospedagem de sites. Você sabe quais são as diferenças? Bem, ao ingressar na internet, você precisa de um "nome" pro seu site. E este será o seu domínio. Toda vez que um usuário desejar visualizar a sua home page, é através desse endereço que ele poderá encontrar os seus produtos ou serviços no universo online.

Bom, conteúdo é muito importante, mas você não pode esquecer que o layout de um site também é essencial. Assim sendo, definir o tema é um processo fundamental, e é um dos primeiros passos do Check list WordPress para viabilizar seu projeto online. Nesta etapa, é natural testar vários temas antes de escolher que melhor se adequa ao perfil do seu site ou blog. Então, aproveite o processo: afinal, ele que vai definir o layout que você vai apresentar aos seus leitores. Você deverá preencher a informação da database MySQL, detalhes do administrador e informações do site. Para instruções mais detalhadas, veja o tutorial como instalar o WordPress em um diferente painel de controle. Para descobrir como migrar seu WordPress, veja este tutorial. Após completar a instalação, a primeira coisa que você vai querer fazer é logar no painel do administrador do WordPress.


Clique em "Sites" e "Command Line/Usuário de Shell"; logo em seguida clique no botão "Adicionar Novo Usuário de Shell" preenchendo os dados conforme abaixo e salvando após digitar. Note que o sistema adicionará um prefixo ao nome do usuário (neste caso "default"). Então um usuário de shell chamado "fatorwp" será alterado para "defaultfatorwp". Na segunda revisão, outra atualização de software foi feita para atenuar o volume dos bipes de confirmação, irritantemente altos. O miolo da ignição, que por vezes retinha a chave após o desligamento do motor, também precisou de duas intervenções da rede autorizada, na metade e no fim da jornada. E ainda passamos por um recall: nova atualização de software, desta vez para impedir o desligamento do motor ao se utilizar o piloto automático - tal problema nunca se manifestou conosco. Eu não poderia me esquecer de apresentar um outro site onde você possa ler mais sobre o assunto, talvez neste instante conheça ele no entanto de cada forma segue o link, eu gosto satisfatório do conteúdo deles e tem tudo haver com o que estou escrevendo nessa postagem, veja mais em curso Whm cpanel.


Se quisermos inserir outros campos de cadastro além do e-mail, repetimos os passos acima. O call to action do botão vem em inglês: Sing up. Vamos criar uma versão em português com uma chamada incentivadora ao clique. Para incentivar o cadastramento, é muito recomendável oferecer uma "recompensa digital", ou seja, dar algo em troca pelas informações fornecidas pela pessoa.


Se você pensar num site que será migrado para outra URL ou então que circule em diferentes ambientes de desenvolvimento (DEV e PROD) antes de ir para o ar, verá que essa dica não será nada útil! As outras dicas eu achei bem legais, principalmente a dos plugins para gerenciar CDN’s. Quanto mais extensa e complexa uma senha é (senhas com variação entre letras maiúsculas e minúsculas e adição de caracteres especiais), maior a dificuldade. Outra brecha são plugins que não são atualizados com frequência, o que torna os blogs do WordPress vulneráveis às possíveis falhas de segurança, além de temas piratas. Blogger, WordPress, Tumblr ou Medium; qual a melhor plataforma?


Isso aumenta a eficiência do rastreamento, especialmente se você estiver executando um site com muitos comentários. Redirecionar URLs feios para limpar a opção links permanentes não é necessário na maioria dos casos. Recomendo que ignore isso, a menos que você saiba o que está fazendo. RSS: RSS Feeds são frequentemente utilizados por ‘caçadores’ de conteúdo para copiar o conteúdo do seu site. Levou um dia de um dos desenvolvedores obter o código fonte, implantar localmente, e implementar endpoints REST para um novo micro serviço que eles tenham implementado. Isso reduz significativamente o tempo de implementação. Como equipe de integração, eles também podem focar em executar os testes e aumentar sua cobertura de testes deste modo.


Afinal, no mercado existem muitas outras. Optamos por essas sugestões visto que trabalhamos diariamente com ambas, o que nos permitiu estudá-las minuciosamente. Mas não é apenas isso! Elas são as plataformas mais utilizadas no Brasil. Então, acredito que não estamos sozinhos em nossa escolha. Veja, na imagem abaixo, o resultado da pesquisa ABCOMM sobre plataformas de e-commerce.


Para suprir as necessidades acima da forma mais simples possível, é possível utilizar o software XAMPP, que basicamente é um acrônimo para: "Mac OS X", Apache, MySQL e PHP. Para instalação do XAMPP, basta visitar a página do software neste link. Depois do término do download, basta executar o arquivo .DMG e seguir com a instalação. XAMPP do root da pasta htdocs. Para testar o funcionamento do XAMPP, basta abrir seu browser e digitar "localhost".



Add comment